. .

Retrospectiva: história da Movelsul Brasil

Retrospectiva: história da Movelsul Brasil

Que tal viajar no tempo e conhecer a trajetória da maior feira de móveis do Brasil, a Movelsul? No final dos anos 1960, o setor moveleiro de Bento Gonçalves (RS) se consolidava na região. Em alguns anos, começou a se fixar como a principal atividade econômica do município, superando o tradicional e centenário setor vinícola.

 

A feira de móveis surgiu em um período favorável, incentivada pelo otimismo dos empresários locais, baseado na expansão da indústria de móveis. A primeira edição da Movelsul Brasil ocorreu em 1977, quando o setor moveleiro consolidou sua liderança na economia de Bento Gonçalves. O que antecedeu a primeira edição do evento foi a mobilização dos empreendedores locais.

 

Organização sindical antecedeu a feira de móveis

A criação da Associação Profissional das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Bento Gonçalves, em dezembro de 1973, mobilizou o setor. Um ano depois, durante uma assembleia, as empresas cadastradas perceberam a necessidade de atribuir à associação um caráter sindical. Foi quando nasceu o Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Bento Gonçalves (Sindmóveis), cujo papel foi (e é) fundamental para a existência da Movelsul Brasil.

 

Concretização de um sonho

O desejo dos empresários se tornou realidade em 1977, quando a 1ª Mostra do Mobiliário de Bento Gonçalves foi realizada no parque de exposições da Fenavinho, reunindo 24 fabricantes de móveis do município. O otimismo do presidente da primeira edição, Elino Periolo, era evidente. Ele dizia que, em breve, Bento Gonçalves faria por merecer a qualificação de polo moveleiro. A projeção se confirmou com o rápido crescimento do setor e da feira de móveis, mostrando que a cidade conseguiria se destacar no cenário nacional.

 

Na segunda edição, a Mostra já somava 41 expositores, incluindo alguns de outras cidades, concedendo à feira abrangência estadual e, futuramente, nacional.

 

Em 1984, a quarta edição da feira de móveis contou com 57 expositores do Rio Grande do Sul e outros estados brasileiros. A edição seguinte, em 1986, foi a última com denominada como Mostra do Mobiliário de Bento Gonçalves, prevendo novos rumos para o evento.

 

Crescimento notável

No ano de 1988, nasceu a Movelsul, consolidando-se como feira de móveis nacional. O evento reuniu 108 expositores de diversas regiões do Brasil.

 

Também ocorreu o primeiro Prêmio Salão Design, com o objetivo de incentivar o desenvolvimento do design na indústria moveleira, integrar designers e fabricantes e revelar novos talentos.

 

Naquela edição, começou a ganhar força a presença de compradores estrangeiros, que visitam a feira de móveis para conhecer os produtos brasileiros e reforçar as exportações das indústrias nacionais.

 

Movelsul Brasil na atualidade

Hoje, a principal feira de móveis do Brasil concentra centenas de expositores para apresentarem seus produtos de modo segmentado: móveis para escritório, cozinha, dormitório, área de serviço, banho, copa, sala de jantar e estar, móveis planejados, estofados, colchões, eletrodomésticos e tapetes.

 

Linha do tempo da Movelsul Brasil

Confira os destaques ano a ano da Movelsul Brasil, uma das principais feiras de móveis da América Latina:

1955 – Funda-se a Barzenski e com ela a produção seriada de móveis.

1960 – O setor moveleiro desponta como a principal atividade econômica de Bento Gonçalves.

1976 – A indústria moveleira representava 31% da economia do município.

1977 – 1ª Mostra do Mobiliário, com 24 expositores.

1979 – 2ª Mostra do Mobiliário já contava com 41 expositores.

1981 – Devido à situação econômica do país (planos econômicos do governo desfavoráveis à indústria) a mostra é adiada para o ano seguinte.

1982 – 3ª Mostra do Mobiliário ocorre com 61 expositores, já reunindo empresas de outros Estados. Foi a única vez em que um presidente da República participou da abertura da feira – João Figueiredo.

1984 – 4ª edição contou com 53 expositores e, além das empresas da Região Nordeste do Estado, participaram empresas das regiões Central e Metropolitana.

1985 – Surge o segmento de cozinhas, que viria a ser no futuro o mais destacado em termos de tecnologia e know-how de mercado do polo moveleiro de Bento Gonçalves.

1986 – 5ª edição com 67 expositores. No Brasil era lançado o Plano Cruzado.

1988 – A 6ª edição da feira passa a se chamar Movelsul e utiliza os cinco pavilhões do Parque de Eventos para abrigar 108 expositores, recebendo a visita de compradores estrangeiros.

1988 – O segmento moveleiro pontuava 47% do PIB de Bento Gonçalves.

1988 – 1º Salão Design Movelsul.

1990 – 7ª edição da Movelsul, com 120 expositores. A feira de móveis passa a ser nacional, com a participação de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro.

1992 – A 8ª edição da Movelsul, com 229 expositores, tem a participação de visitantes de outros países: Alemanha, Argentina, Dinamarca, Itália e Estados Unidos.

1994 – A 9ª edição da Movelsul recebeu 216 expositores. Caracterizou-se por ser uma feira exclusiva para o setor e produtos agregados.

1996 – A 10ª edição da Movelsul contou com a presença de 288 expositores. Amplia-se a consolidação de liderança e de vitrine de tendências. Inicia o processo de divulgação no exterior.

1998 – A 11ª edição da feira de móveis, com 342 expositores. Há um resgate da história do homem que fez o setor moveleiro acontecer.

2000 – Na 12ª edição a feira passa a se chamar Movelsul Brasil e com 417 expositores, se consolida como um evento de negócios e de serviços de classe mundial.

2002 – Na 13ª edição a poltrona em forma de “M” passa a identificar o evento mundialmente, que conta com 414 expositores.

2004 – Na 14ª edição da feira, já com 434 expositores, a fila de espera para ser expositor aumenta consideravelmente. A feira atingiu definitivamente a maioridade.

2006 – A 15ª edição da feira, com 479 expositores, passa a ser gerida a partir de um planejamento estratégico com o horizonte de 20 anos.

2008 – A 16ª edição, com 430 expositores, destaca a qualificação dos estandes e a valorização do meio ambiente

2010 – A 18ª edição, com 375 expositores, tem o desafio das primeiras segmentações. O produto consolidado precisa manter a posição e garantir o sucesso.

2010 – Produtos pensados para a classe C ganham força no mercado. É apresentada a primeira versão da Casa do Consumidor do Novo Brasil na Movelsul Brasil.

2012 – Na sua 18ª edição, com 327 expositores, formaliza a segmentação dos pavilhões por tipologia de produto. Foco no consumo da nova classe media brasileira.

2012 – É realizada a segunda edição da Casa do Consumidor com ênfase na classe C.

2014 – A 19ª edição da Movelsul Brasil apresenta de forma segmentada sua diversidade em mobiliário com 300 expositores. Mantém-se o mote da classe C.

2016 – A Movelsul Brasil chega à sua 20ª edição.

 

Movelsul Brasil 2018

Data: 12 a 15 de março de 2018, das 12h às 20h

Local: Parque de Eventos de Bento Gonçalves (alameda Fenavinho,  481)

Entrada franca para credenciados. Evento aberto somente ao público profissional (lojistas, representantes, arquitetos, designers, decoradores, importadores, profissionais da construção civil e imprensa)

 

Leia também

– Feira de móveis – dicas para se destacar

– O maior polo moveleiro do Brasil