Notícia
  • 10 Out 2017

    Movelsul Brasil e a história do mobiliário planejado brasileiro


Foto destaque da notícia

História de uma das maiores Feiras de Móveis do Brasil

A Mostra do Mobiliário de Bento Gonçalves, que mais adiante se tornaria a feira Movelsul Brasil, é a grande precursora na história das feiras de móveis do Brasil e da América Latina. Sua primeira edição está diretamente ligada ao desenvolvimento da indústria de móveis planejados e daquele que se tornaria o principal polo moveleiro do país.

Essa feira de móveis, que depois serviria de insumo para a criação de outras, como a Fenavem, Mercomóveis, Movelpar e outras, teve o grande mérito de amparar a consolidação dessa atividade econômica na Serra Gaúcha, ganhando notoriedade frente ao já consolidado setor vitivinícola. Exatamente no ano de 1977, quando se realizou a primeira edição da Mostra do Mobiliário, foi que a indústria de móveis ultrapassou a vinícola em importância para a economia local por sua rápida expansão.

Vocação moveleira

De 1972 em diante, a indústria de Bento Gonçalves assume sua vocação moveleira, num movimento estimulado pela demanda interna e externa e que logo conquistou bons índices de crescimento, justificando a criação de um evento que fosse vitrine do setor. Antes disso, face ao considerável número de empresas de móveis existentes no município, desencadeou-se um movimento de classe com o intuito de salvaguardar os interesses do setor. Os empresários do setor começaram, então, a se reunir informalmente, mas periodicamente. No começo dos anos 1970, buscando crescimento conjunto e acompanhando a organização classista dos trabalhadores, os industriais constituíram formalmente a entidade – que nasceu junto da ideia de uma feira de móveis. 

Foco em móveis planejados

Na primeira edição, em 1977, apenas empresas locais expuseram. Depois, a feira se regionalizou e, no começo dos anos 90, já era de caráter nacional. Nesse momento importante para a indústria de móveis, a configuração do setor altera-se e se abre em novos nichos: móveis modulados, planejados e sob desenho. Os móveis planejados para cozinha ganham notoriedade com o momento de reestruturação econômica do Brasil, nesse meado dos anos 1990, quando o brasileiro passa a desejar sua cozinha projetada.

Especialmente nos últimos 15 anos, os móveis planejados ganharam grande atratividade junto às indústrias do mobiliário do país, pela sua capacidade de agregação de valor aos produtos e marcas do setor. Da cozinha, passou-se a produzir móveis para a sala de estar, para o quarto do bebê e quarto planejado. As redes de lojas especializadas em móveis planejados, compostas por lojas próprias, franqueadas ou exclusivas das marcas, representam o principal canal de escoamento da produção deste tipo de produto e, também, a principal razão do seu sucesso, nos últimos anos. 

Lojas não especializadas, como lojas de departamento e os homecenters incorporaram essas linhas de produto, muitas vezes por meio de projetos mais simplificados, como uma cozinha planejada simples