Notícia

  • 19 Jan 2017
    Encontro histórico marca os 40 anos do Sindmóveis

Uma cerimônia emocionante, com a presença dos fundadores e todos os 16 presidentes da história do Sindicato das Indústrias do Mobiliário de Bento Gonçalves (Sindmóveis) marcou as comemorações dos 40 anos da entidade, na noite da última quarta-feira, 18. Os presidentes foram homenageados em um vídeo que narra a trajetória do Sindmóveis e um troféu criado especialmente para a data. Na solenidade, também foi empossada a nova diretoria do sindicato, que será presidido pelo empresário Edson Pelicioli no biênio 2017/2018.

Em seu discurso de despedida, o empresário Henrique Tecchio, que deixa a presidência da entidade, pontuou que os três anos da gestão foram um desafio diante de tantas transformações no cenário econômico e político. O pessimismo, destaca Tecchio, não abalou o trabalho sério e articulado dessa entidade. “Assumimos compromissos importantes com o polo moveleiro de Bento Gonçalves e todos foram cumpridos. Fizemos com sucesso duas edições da Movelsul Brasil; conseguimos concretizar a ida da Casa Brasil para São Paulo numa negociação que  se estendeu por quase dois anos; e, por fim, iniciamos e estamos em fase adiantada na construção de uma nova sede em parceria com o CIC e Movergs”.

União do polo moveleiro

Elino Periolo, primeiro presidente do Sindmóveis, abriu o vídeo comemorativo dos 40 anos da entidade, relembrando que o empresariado local se organizou em um sindicato porque as empresas sentiram necessidade de serem representadas de forma coletiva. Segundo ele, sem experiência, mas com dedicação e vontade, o setor foi se construindo. E está na grandiosidade atual por merecimento e com grande contribuição do Sindmóveis. “Pediria aos futuros administradores do Sindmóveis que tenham um cuidado todo especial com o sindicato e com a feira Movelsul Brasil, porque boa parte dos bento-gonçalvenses e pessoas de cidades vizinhas dependem desta estrutura. Então, é preciso ter presente a responsabilidade que isso representa”, destaca.

Da mesma forma, o presidente eleito, Edson Pelicioli, clamou pela renovação da união das empresas moveleiras locais. Para ele, a história de 40 anos do Sindmóveis só foi escrita porque mais de uma centena de empresários e executivos do setor moveleiro doou seu tempo, conhecimento e energia sem ver concorrentes, mas trabalhando coletivamente por um benefício comum. “Esse é o momento de olharmos para trás, reconhecermos o valor da união que existiu e resgatar esse espírito coletivo. Enfrentamos um cenário adverso de forte competição mundial, de inúmeras inseguranças e incertezas, de adventos tecnológicos ainda imensuráveis, de novos modelos colaborativos de negócios, e precisamos mais do que nunca contar com a contribuição de todos para superarmos os obstáculos e perpetuarmos o crescimento e prosperidade de nosso setor”, provoca.

Como presidente do Sindmóveis para o biênio 2017/2018, Edson Pelicioli tem como principal desafio o desenvolvimento de projetos de investimento em pesquisa e promoção comercial para busca de novos mercados e oportunidades de atuação para as indústrias associadas ao Sindmóveis. A nova diretoria também vai fortalecer os principais produtos do Sindmóveis: as feiras Movelsul Brasil e High Design Home&Office Expo, parceria com o Informa Grupo e Summit Promo em São Paulo; o Prêmio Salão Design e os projetos Orchestra Brasil/Raiz de promoção das exportações.

Mais sobre o polo moveleiro de Bento Gonçalves

O polo moveleiro de Bento Gonçalves é, atualmente, o maior do país em volume de produção e o mais avançado em tecnologia empregada, além de abrigar algumas das mais importantes empresas fabricantes de móveis planejados do país. Essa é uma história que começa com a fundação da Barzenski S/A, em 1955 – um marco para a indústria moveleira no estado, com a introdução da produção seriada de móveis.

O embrião do Sindmóveis nasce em 1973, quando um grupo de empresários fundou a Associação Profissional de Indústrias da Construção e do Mobiliário de Bento Gonçalves, tendo como primeiro presidente Elino Periolo e Dorvalino Pozza como vice. Com o desenvolvimento do setor em profusão, em 1977 a entidade recebe a denominação de Sindmóveis. Naquele momento, organizava-se a primeira Mostra do Mobiliário de Bento Gonçalves, hoje consolidada como a Movelsul Brasil, a mais importante feira do setor na América Latina.

 

 

Os presidentes do Sindmóveis nesses 40 anos

Presidente Elino Periolo – gestão 1977 / 1978

Presidente Valnei Fiorin – gestão 1978 / 1981

Presidente Nelto Scarton – gestão 1981 / 1987

Presidente Aldo Cini – gestão 1987 / 1990

Presidente Sérgio Manfrói – gestão 1990 / 1992

Presidente Astério Grando – gestão 1992 / 1994

Presidente Eurico Benedetti – gestão 1994 / 1996

Presidente Jorge Luis Manfroi – gestão 1996 / 1998

Presidente Sérgio Dalla Costa – gestão 1999 / 2000

Presidente Marcos Lazzarotto – gestão 2001 / 2002

Presidente Alcides Pasquali Filho – gestão 2003 / 2004

Presidente Volnei Benini – gestão 2005 / 2007

Presidente Henrique José Bertolini – gestão 2008 / 2009

Presidente Glademir Ferrari – gestão 2010 / 2011

Presidente Cátia Scarton – gestão 2012 / 2013

Presidente Henrique Tecchio – gestão 2014 / 2016