Notícia
  • 13 Dez 2017

    Como planejar a minha cozinha


Como planejar a minha cozinha

Um dos cômodos mais utilizados em uma casa, a cozinha é um espaço de integração entre os moradores e visitantes, além de ambiente terapêutico para os que sentem prazer em preparar diferentes pratos. Se você já se perguntou “como planejar minha cozinha?”, acompanhe este texto e confira dicas valiosas para levar organização e funcionalidade ao lugar mais saboroso do seu lar.

 

Primeiros passos para planejar a cozinha

Antes de planejar ou reformar sua cozinha, é essencial planificar cada etapa da obra, escolhendo materiais, pensando na disposição dos móveis e avaliando orçamento disponível. No plano de obra, você deve considerar as medidas da cozinha (largura, comprimento e altura), marcando o que é fixo e não pode ser alterado (janelas, portas, registros de água e gás, encanamentos, tomadas e interruptores). A partir desses itens, é possível traçar as características do projeto de acordo com suas necessidades e seu gosto pessoal.

 

Como escolher piso para cozinha

A escolha do piso é um ponto importante e muitas vezes esquecido, pois é comum focarmos na estética e não na usabilidade. A prioridade é levar focar na resistência, impermeabilidade e segurança do material. Existem diversas opções no mercado, como a cerâmica, porcelanato líquido e porcelanato tradicional. Questione um arquiteto ou vendedores de lojas de construção sobre o produto ideal para o seu projeto.

 

Revestimento de parede não é só beleza

A dica na hora de escolher o revestimento de parede para cozinha é optar por um material fácil de limpar, preferencialmente impermeável e com pouca textura. Ladrilhos, mosaicos, pastilhas de vidro, porcelanato, cimento queimado e azulejos são os mais utilizados.

 

Móveis para cozinha

Esse é um dos tópicos mais importantes sobre como planejar a cozinha, pois os móveis são responsáveis por “moldar” a estética do ambiente. Por isso, na hora de escolher a mobília, considere os aspectos funcionalidade (corresponder às suas necessidades diárias), organização (capacidade de armazenar tudo), resistência (material e acabamento) e estilo (clássico, despojado, sóbrio, colorido, etc.).

 

A melhor opção é recorrer a cozinhas com móveis planejados, porque elas permitem que você ocupe melhor o espaço disponível. Há muitas marcas de móveis planejados no Brasil, para todos os perfis de consumidor. Escolha aquela com a qual você se identifica com a proposta e cabe no seu orçamento.

 

Fique ligado: tons claros dão sensação de amplitude; gaveta de quina (diagonal) é eficaz para armazenar talheres aproveitando espaço; prateleiras facilitam o acesso aos utensílios mais utilizados; bancadas de cozinha americana são ótimas opções para integrar a cozinha a outros ambientes, como sala de estar, sala de jantar e até mesmo lavanderia.

 

Cozinha precisa de ventilação e iluminação

Não esqueça de valorizar a ventilação da sua cozinha, tanto para levar embora o cheiro dos alimentos quanto para evitar problemas como mofo. Mesmo com uma boa ventilação natural, por janelas ou sacada, instalar uma coifa é uma boa opção – principalmente se o projeto prevê cozinha integrada.

 

Além de ventilada, a cozinha deve ser bem iluminada. Se possível, divida a estrutura de iluminação em três partes: uma focada nas zonas de trabalho, outra iluminação indireta, com intuito de oferecer um ambiente acolhedor, e a última com uma luz uniforme, em todo o cômodo. Ao contrário da iluminação quente/amarela indicada para ambientes de descanso, escolha lâmpadas brancas/frias para a cozinha, assim a cor natural dos alimentos não será distorcida.

 

Gostou das dicas sobre como planejar a cozinha? Compartilhe com seus amigos!

Notícias relacionadas:

Dicas rápidas sobre como planejar a cozinha

Cinco verdades sobre móveis planejados para cozinhas?

Como Planejar Minha Sala de Estar

Como  Planejar a Sala de Estar