Notícia
  • 19 Ago 2013

    Casa Brasil encerra com público de quase 20 mil pessoas


Foto destaque da notícia Foto destaque da notícia

Feira recebeu visitantes de 17 países e promoveu mais de 200 rodadas de negócios entre expositores e importadores
 
A Casa Brasil 2013 encerrou na última sexta-feira superando suas projeções de público e nacionalidades visitantes. Ao todo, 19.950 pessoas vindas de 17 países passaram pelo Parque de Eventos nos quatro dias de feira. Quem esteve no evento, não deixou de elogiar a qualidade dos produtos de design apresentados e ambientação da feira, composta por árvores de até oito metros feitas a partir de fios de algodão e fibras vegetais produzidos por comunidades mineiras a partir de técnicas tradicionais de tecelagem. 
A geração de negócios foi ampla e deve surtir muitas parcerias nos próximos meses. O grupo de 500 renomados lojistas e arquitetos trazido pela feira em uma ação inédita de relacionamento saiu satisfeito com os lançamentos. O Projeto Comprador, realizado pela primeira vez na Casa Brasil, abriu possibilidades de exportação tanto para as indústrias quanto para os designers expositores. Foram mais de 200 rodadas de negócios. 
A presidente do Sindmóveis, Cátia Scarton, avalia positivamente o número de lojistas e especificadores que visitaram a feira e o retorno passado por eles para a equipe organizadora. “Isso vem ao encontro de todo o trabalho do Sindmóveis para a geração de negócios tanto no mercado interno, quanto externo. Temos certeza de que aqueles que apostaram na feira terão bons resultados”, ressalta. Ivens Fontoura, designer e jurado do Salão Design Casa Brasil, completa: “Houve melhoria notória na qualidade dos produtos lançados, com uma apresentação mais lúdica, ligada à identidade brasileira e expressando um melhor uso das matérias-primas”.
Para o empresário Martim Santos, que expôs pela primeira vez na Casa Brasil com a empresa Silva Santos, os resultados da feira foram acima da expectativa. Ele destaca a atuação do Sindmóveis em selecionar e proporcionar a vinda de clientes com maior e menor poder de negócios em todos os dias do evento, distribuindo o público e possibilitando com que a expositora atendesse a todos com qualidade. “Sinto que o lojista vem para a Casa Brasil sabendo que vai encontrar tendências, e não um produto a mais. Posso dizer que o balanço final é de um bom público, uma boa comercialização e muitos novos contatos”, relata.
Os projetos e mostras paralelas da Casa Brasil também foram considerados um sucesso, potencializando a geração de negócios por qualificar ainda mais o público visitante. Muito comentado entre os visitantes, o Projeto Cantina Benta trouxe para a feira de design elementos do artesanato típico da Serra Gaúcha, e encantou pela valorização do trabalho dos artesãos locais. 
Com o encerramento da Casa Brasil 2013, o Sindmóveis dá continuidade aos preparativos para mais uma edição da Movelsul Brasil, a maior feira de móveis da América Latina; um sucesso de público e negócios totalmente voltados para o mercado da classe média. O evento será realizado de 24 a 28 de março de 2014, ocupando os seis pavilhões do Parque de Eventos de Bento Gonçalves, num total de 57 mil metros quadrados de área construída. Para mais informações, acesse www.movelsul.com.br